Variabilidade na mensuração das medidas orofaciais

Variabilidade na mensuração das medidas orofaciais

Título alternativo Variability of orofacial measures
Autor Rodrigues, Fernanda Veloso Google Scholar
Monção, Fabiana Rodrigues Cerqueira Google Scholar
Moreira, Michelle Barroso Rocha Google Scholar
Motta, Andréa Rodrigues Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Prefeitura Municipal de Francisco Sá - Francisco Sá
Clínica SISO
Clínica Habilitar Infantil
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Universidade Federal de Minas Gerais Departamento de Fonoaudiologia
Resumo PURPOSE: To verify the degree of variability of orofacial measures, among speech pathologists who are specialists in orofacial myology. METHODS: A prospective study was carried out, where 30 speech pathologists who are specialists in orofacial myology measured, in two different moments, with the use of a digital sliding caliper, ten orofacial measures of a standard subject. Within- and between-examiner data were compared using measures of central trend and dispersion, and hypothesis testing, with the level of significance of 5%. RESULTS: Nine out of the ten parameters investigated were considered as homogeneous in both within- and between-observers analyses. The maximum mouth opening with the tongue in the papilla presented high coefficients of variation, indicating heterogeneous data, although between-observers values were considered similar. In the within-examiner analysis for this parameter, a significant difference was evidenced (p=0.0384). In the data analysis, it was also observed differences next to the cut point established in the study, in the within-observer mensuration of the midfacial height (p= 0.0711) and the maximum mouth opening (p= 0.0677). Among the ten analyzed variables, it was not observed decrease in the coefficient of variation from the first to the second mensuration only for the parameters midfacial height and superior lip. CONCLUSION: It was not observed variability in the orofacial mensuration carried out in this study, except for the parameter maximum mouth opening with the tongue in the incisor papilla, indicating that data produced by different professionals can be considered partially trustworthy.

OBJETIVO: Verificar o grau da variabilidade das medidas orofaciais, entre fonoaudiólogos especialistas em Motricidade Orofacial. MÉTODOS: Estudo longitudinal prospectivo, tendo 30 fonoaudiólogos especialistas em Motricidade Orofacial realizado, em dois momentos distintos, com uso de paquímetro digital, a mensuração de dez medidas orofaciais de um sujeito padrão. Foram comparados os dados inter e intra-examinador por meio das medidas de tendência central, das medidas de dispersão e de testes de hipóteses, com nível de significância de 5%. RESULTADOS: Nove dos dez parâmetros investigados foram considerados como homogêneos na avaliação inter e intra-observadores. A abertura máxima da boca com língua na papila apresentou coeficientes de variação altos, indicando dados heterogêneos, apesar dos valores de correlação inter-observadores terem sido considerados semelhantes. Já na avaliação intra-examinador para este parâmetro foi evidenciada uma diferença significante (p=0,0384). Na análise dos dados, observou-se ainda diferenças próximas ao ponto de corte estabelecido no estudo, na mensuração intra-observador do terço médio da face (p=0,0711) e da abertura máxima da boca (p=0,0677). Dentre as dez variáveis analisadas, não foi observada diminuição do coeficiente de variação da 1ª para 2ª mensuração apenas nos parâmetros terço médio da face e lábio superior. CONCLUSÃO: Não foi observada variabilidade nas mensurações orofaciais realizadas, exceto para o parâmetro abertura máxima da boca com língua na papila, indicando que dados produzidos por diferentes profissionais podem ser considerados parcialmente confiáveis.
Assunto Anthropometry
Face
Stomatognathic system
Myofunctional therapy
Antropometria
Face
Sistema estomatognático
Terapia miofuncional
Idioma Português
Data 2008-01-01
Publicado em Revista da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia. Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia, v. 13, n. 4, p. 332-337, 2008.
ISSN 1516-8034 (Sherpa/Romeo)
Editor Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia
Extensão 332-337
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S1516-80342008000400006
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S1516-80342008000400006 (estatísticas na SciELO)
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/4170

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: S1516-80342008000400006.pdf
Tamanho: 306.0Kb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta