A produção discursiva da Revista Gestão Escolar sobre a gestão da escola: um “manual” para a equipe de gestão e o alinhamento às orientações de agências internacionais

A produção discursiva da Revista Gestão Escolar sobre a gestão da escola: um “manual” para a equipe de gestão e o alinhamento às orientações de agências internacionais

Título alternativo The discursive production of Magazine Gestão Escolar About school management: a manual for the management team and alignment with international agency guidelines
Autor Carvalho, Medianeira da Silva Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Novaes, Luiz Carlos Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Pós-graduação Educação - Guarulhos
Resumo O OBJETIVO desta pesquisa é analisar a produção discursiva da Revista Gestão Escolar (RGE) sobre a gestão da escola. A questão que instiga o trabalho é identificar qual modelo de gestão é valorizado pela RGE e, para tanto, trabalhamos com a HIPÓTESE de que o periódico orienta a escola a adotar uma gestão escolar gerencialista com o slogan “gestão democrática e compartilhada” e, ao mesmo tempo, se aproxima das orientações preconizadas por organismos internacionais, entre eles o BM a UNESCO e a OCDE, com vistas ao aumento da produtividade e eficiência, mensurados por meio de avaliações em larga escala, e ao maior alinhamento da escola às necessidades do mercado. O PROBLEMA que estimulou esta investigação é a assunção de que a boa qualidade da educação (seja na condução da educação nacional, seja na condução do que ocorre dentro da escola) decorre, fundamentalmente, apenas do modelo de gestão adotado; nesse sentido, parece que a eficiência das unidades escolares – geralmente determinada por índices de desempenho – passa a ser um problema tipicamente de gestão, ignorando-se os diferentes matizes que marcam discursos multifacetados sobre gestão escolar, bem como a existência de outros fatores intervenientes para a almejada boa qualidade da educação. Para compreender o discurso da revista tratamos, também, de questões que sustentam a argumentação do periódico como as proposições dos Organismos Internacionais sobre gestão escolar e as concepções acerca das parcerias público-privadas (PPP) na educação brasileira. As trajetórias das Fundações Victor Civita (FVC) e Lemann (FL) são abordadas no intuito de melhor conhecer a organização, estrutura e circulação do periódico em análise, identificando as estratégias discursivas que buscam legitimar um discurso sobre a gestão da escola. Para a realização da investigação, foram analisadas 53 (cinquenta e três) edições do periódico, sendo 29 edições impressas e 24 on-line, no período de agosto/2009 a dezembro/2016, além de entrevista com a direção de edição e produtos da Associação Nova Escola (ANE). Para fundamentar as análises trabalhamos com os conceitos de “linguagem autorizada” e “descrever e prescrever” em Bourdieu (2008); de slogan e metáfora, em Scheffler (1974); de ciclo de políticas, gerencialismo e performatividade em Ball (1989, 2001); de “rede de legitimidade” em Ricardo Filho (2005); além das contribuições de Shiroma et al (2005); Victo Paro (1988); Felix (1984) e Ravitch (2011).

The OBJECTIVE of this research is to analyze the discursive production of the School Management Magazine (RGE) on school management. The question that instigates the work is to identify which management model is valued by RGE. We work with the HYPOTHESIS that the periodical guides the school to adopt a managerial school model management with the slogan "democratic and shared management" and, at the same time, utilizes the guidelines recommended by international organizations, among which, the World Bank, UNESCO and OECD, with the purpose of increasing productivity and efficiency, measured through large-scale assessments, and of attaining better aligning between the schools and the needs of the market economy. The ISSUE that stimulated this research is the assumption that the good quality of education (whether in the conduct of the national education or in the conduct of what happens inside the school) is fundamentally based only on the management model adopted. In this sense, it seems that the efficiency of the school units - usually determined by performance indexes - becomes a typical management problem, ignoring the different tints that mark the multifaceted discourses about school management, as well as the existence of other intervening factors for the desired good quality of education. In order to understand the discourse of the journal, we also address issues that support the journal's arguments, such as the proposals of the International Organizations on school management and the conceptions about public-private partnerships (PPP) in Brazilian education. The trajectories of the Victor Civita (FVC) and Lemann (FL) Foundations are approached in order to understand better the organization, structure and circulation of the periodical under analysis, identifying the discursive strategies that seek to legitimize a discourse about school management. In order to carry out the research, 53 (fifty-three) editions of the journal were analyzed, being 29 printed editions and 24 online editions, from August/2009 to December/2016. We have also interviewed the directors of editing and of products of the New School Association (ANE). To substantiate our reviews, we use the following theories: the concepts of "authorized language" and "describe and prescribe" in Bourdieu (2008); the concept of slogan and metaphor in Scheffler (1974); the notions of policy cycle, managerialism and performativity in Ball (1989, 2001) and the idea of "legitimacy network" in Ricardo Filho (2005). In addition to those, we have also utilized contributions from Shiroma et al (2005); Victo Paro (1988); Felix (1984) and Ravitch (2011).
Assunto Revista Gestão Escolar
Gestão Escolar
Parceria Público-Privada
Fundação Victor Civita
Fundação Lemann
School Management Magazine
School Management
Public-private Partnership
Victor Civita Foundation
The Lemann Foundation
Idioma Português
Financiador Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Data 2018-02-27
Publicado em CARVALHO, Medianeira da Silva. A produção discursiva da Revista Gestão Escolar sobre a gestão da escola: um “manual” para a equipe de gestão e o alinhamento às orientações de agências internacionais. 2018. 256 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade Federal de São Paulo. Guarulhos, 2018 .
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/11600/41743

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: MEDIANEIRA DA SILVA CARVALHO.pdf
Tamanho: 5.254Mb
Formato: PDF
Descrição: Medianeira da Silva Carvalho
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta