Biomicroscopia ultra-sônica em esclerectomia profunda: relato de caso

Biomicroscopia ultra-sônica em esclerectomia profunda: relato de caso

Título alternativo Ultrasound biomicroscopy in deep sclerectomy: case report
Autor Villas-bôas, Flávia Google Scholar
Allemann, Norma Autor UNIFESP Google Scholar
Morales, Maira Saad Avila Google Scholar
Omi, Carlos Akira Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Instituto Brasileiro de Oftalmologia e Prevenção à Cegueira
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Universidade de São Paulo (USP)
Resumo Case report of a woman with the diagnosis of primary open-angle glaucoma who was submitted to a successful surgical procedure of deep sclerectomy in the right eye. In the postoperative period, at month 3, the surgical procedure was evaluated with ultrasound biomicroscopy (UBM) utilizing two distinct equipments (UBM 840-Zeiss; UBM-VUMAX-Sonomed), with 50-MHz transducers. The diagnostic method of ultrasound biomicroscopy can be utilized as a non invasive method to evaluate the internal architecture of the eye at the topography of deep sclerectomy. It allows to identify the anterior segment structures, their anatomical relationship, and also the intact trabecular-Descemet membrane and the intrascleral space. Ultrasound biomicroscopy showed to be useful in evaluating postoperative status of the surgical procedure.

Relato do caso de um paciente com diagnóstico de glaucoma primário de ângulo aberto, que foi submetida a esclerectomia profunda em olho direito, com sucesso. No pós-operatório de 3 meses, o procedimento cirúrgico foi avaliado com biomicroscopia ultra-sônica (UBM) utilizando-se dois equipamentos distintos (UBM 840-Zeiss; UBM-VUMAX-Sonomed) com transdutores de 50 MHz. O método diagnóstico com biomicroscopia ultra-sônica pode ser usado como método não invasivo para avaliar a arquitetura interna ocular na topografia da esclerectomia profunda. Permite identificar as estruturas do segmento anterior, sua relação anatômica, bem como a membrana trabéculo-Descemet íntegra e o espaço intra-escleral. Biomicroscopia ultra-sônica demonstrou utilidade na avaliação pós-operatória do procedimento cirúrgico.
Assunto Microscopy
Ultrasonography
Sclera
Glaucoma, open-angle
Sclerostomy
Postoperative period
Humans
Female
Aged
Case reports
Microscopia
Ultra-sonografia
Esclera
Glaucoma de ângulo aberto
Esclerostomia
Período pós-operatorio
Humanos
Feminino
Idoso
Relatos de casos
Idioma Português
Data 2008-06-01
Publicado em Arquivos Brasileiros de Oftalmologia. Conselho Brasileiro de Oftalmologia, v. 71, n. 3, p. 434-436, 2008.
ISSN 0004-2749 (Sherpa/Romeo)
Editor Conselho Brasileiro de Oftalmologia
Extensão 434-436
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0004-27492008000300026
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0004-27492008000300026 (estatísticas na SciELO)
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/4458

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: S0004-27492008000300026.pdf
Tamanho: 96.35Kb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta