Fatores associados à qualidade de vida em idosos com osteoartrite de joelho

Fatores associados à qualidade de vida em idosos com osteoartrite de joelho

Título alternativo Factors associated to quality of life among elderly with knee osteoarthritis
Autor Alexandre, Tiago Da Silva Google Scholar
Cordeiro, Renata Cereda Autor UNIFESP Google Scholar
Ramos, Luiz Roberto Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade de Taubaté Depto. de Fisioterapia
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo This study inquired whether quality of life (QoL) among elderly patients with knee osteoarthritis (OA) may be influenced by sociodemographic and/or clinic and functional factors. A sample of 40 elderly outpatients from a gerontological rehabilitation service in São Paulo answered the Brazilian version of the 36-Item Short Form Survey (SF-36). Functionality, joint stiffness and pain were assessed by the Womac - Western Ontario and MacMaster Universities Osteoarthritis Index. Further data on sociodemographic and clinical features, including pain-relieving strategies, were obtained by a complementary questionnaire. By means of linear regression analysis, an independent relationship was found between the Womac functionality domain and six SF-36 domains (p<0.05). In the studied sample, poor QoL was found to be correlated to difficulty in functional activities, using a gait assistive device, to present bilateral knee impairment, to resort to several means to relieve pain, as well being illiterate and living with another elderly (r=0.3; p<0.05). The most impaired functional activities were those that involve knee flexion and extension, and weight support on the affected limb. Both sociodemographic and clinical, functional factors generated by OA negatively influenced QoL of elderly patients with knee OA.

O estudo visou investigar se a qualidade de vida (QV) de idosos com osteoartrite (OA) de joelho pode ser influenciada por fatores sociodemográficos e/ou por parâmetros clínicos e funcionais gerados pela doença. A uma amostra de 40 idosos atendidos em ambulatório de reabilitação gerontológica na cidade de São Paulo foi aplicado o questionário de QV 36-Item Short-Form Survey (SF-36). A funcionalidade, a rigidez articular e a dor foram medidas pelo Womac - Western Ontario and MacMaster Universities Osteoarthritis Index; os dados sociodemográficos, as variáveis clínicas e o uso de recursos físicos e medicamentosos para controle da dor foram obtidos por questionário complementar. A análise de regressão linear mostrou relação independente entre o domínio funcionalidade do Womac e seis domínios do SF-36 (p<0,05). São determinantes de pior QV na amostra estudada a dificuldade na realização de atividades funcionais, usar dispositivo de auxílio à marcha, apresentar comprometimento articular bilateral, o recurso a diversos meios para alívio da dor, bem como a baixa escolaridade e o fato de morar com outro de sua geração (r=0,3; p<0,05). As atividades funcionais mais comprometidas foram as que envolvem a flexo-extensão de joelho e descarga de peso na articulação afetada. Fatores tanto sociodemográficos como clínicos e funcionais gerados pela OA influenciaram negativamente a QV de idosos com OA de joelho.
Assunto Aged
Osteoarthritis
knee
Quality of life
Idoso
Osteoartrite do joelho
Qualidade de vida
Idioma Português
Data 2008-12-01
Publicado em Fisioterapia e Pesquisa. Universidade de São Paulo, v. 15, n. 4, p. 326-332, 2008.
ISSN 1809-2950 (Sherpa/Romeo)
Editor Universidade de São Paulo
Extensão 326-332
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S1809-29502008000400002
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S1809-29502008000400002 (estatísticas na SciELO)
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/4628

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: S1809-29502008000400002.pdf
Tamanho: 119.9Kb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta