O trabalho sob a ótica das manipuladoras de alimentos de uma unidade hospitalar

O trabalho sob a ótica das manipuladoras de alimentos de uma unidade hospitalar

Título alternativo Work according to the viewpoint of hospital food handlers
Autor Bertin, Cilce Helena Figueiredo Preza Google Scholar
Morais, Tania Beninga de Autor UNIFESP Google Scholar
Sigulem, Dirce Maria Autor UNIFESP Google Scholar
Rezende, Magda Andrade Google Scholar
Instituição Universidade Federal de Mato Grosso Faculdade de Nutrição Departamento de Alimentos e Nutrição
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Universidade de São Paulo (USP)
Resumo OBJECTIVE: The objective was to analyze how a group of food handlers from a public hospital perceive their professional activities. METHODS: This qualitative research was carried out in a nutrition and dietetic service of a public hospital school in the city of São Paulo. Its development was based on a corpus obtained by doing the focus group technique with 15 employees, of which 8 worked in the milk dispensary and 7 in the dietetic kitchen. The statements were recorded, transcribed and analyzed according to content and social representations. Later, the analysis was validated together with the participants. Socioeconomic status was determined with a self-assessment form. RESULTS: Labor is perceived as crucial for survival and of great social responsibility, in addition to being exhausting. Furthermore, work represents an instance that allows workers to support and relate to each other, although it does not provide the status they believe they deserve. Labor is simultaneously represented as an instance of suffering and support while it is important for themselves and for the whole social group. Meanwhile, supervisors and managers do not seem to notice their difficulties. CONCLUSION: Consequently, the organization of the work needs changes in order to reduce factors that generate fatigue, unhappiness and discouragement among food handlers. Supervisors need to invest more in the implementation of decentralizing and more participative management strategies, respecting, whenever possible, the opinions and individual differences, as well as in the periodical training of the employees.

OBJETIVO: Analisar as percepções acerca da atividade profissional de um grupo de manipuladores de alimentos de um hospital público. MÉTODOS: A pesquisa, de cunho qualitativo, foi realizada em um serviço de nutrição e dietética de um hospital público de ensino da Cidade de São Paulo. Desenvolveu-se a partir de corpus obtido por técnica do grupo focal realizada com 15 funcionárias, sendo 8 vinculadas ao lactário e 7 à cozinha dietética. Os depoimentos foram gravados, transcritos e analisados sob o ponto de vista do conteúdo e das representações sociais. Posteriormente, a validação da análise foi realizada com as participantes. A caracterização socioeconômica foi realizada com uso de um formulário auto-aplicável. RESULTADOS: O trabalho é percebido como crucial para a sobrevivência, porém de grande responsabilidade social, além de implicar em rotina exaustiva. Além disso, constitui instância que possibilita apoio e relacionamento entre as trabalhadoras, embora não lhes proporcione o status que julgam merecer. O trabalho é representado como instância simultânea de sofrimento e apoio; embora importante, tanto para elas mesmas, quanto para o grupo social. Ao mesmo tempo, chefias e os superiores se mostram alheios a todas as dificuldades. CONCLUSÃO: Por conseqüência, percebe-se que há necessidade de mudanças na organização do trabalho, a fim de reduzir os fatores que ocasionam cansaço, descontentamentos e desânimo nas manipuladoras. Faz-se necessário maior investimento, por parte da chefia do serviço, na adoção de estratégias gerenciais mais descentralizadas e participativas, respeitando, na medida do possível, as opiniões e diferenças individuais, bem como investindo em treinamentos periódicos dos trabalhadores.
Assunto Food handling
Qualitative research
Social responsibility
Manipulação de alimentos
Pesquisa qualitativa
Responsabilidade social
Idioma Português
Data 2009-10-01
Publicado em Revista de Nutrição. Pontifícia Universidade Católica de Campinas, v. 22, n. 5, p. 643-652, 2009.
ISSN 1415-5273 (Sherpa/Romeo)
Editor Pontifícia Universidade Católica de Campinas
Extensão 643-652
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S1415-52732009000500005
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S1415-52732009000500005 (estatísticas na SciELO)
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/5270

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: S1415-52732009000500005.pdf
Tamanho: 322.3Kb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta